CAUSO XVII - A TEORIA DA ORDEM ECONÔMICA DA TORRE QUE NOS VIGIA!

Ir em baixo

CAUSO XVII - A TEORIA DA ORDEM ECONÔMICA DA TORRE QUE NOS VIGIA!

Mensagem por Admin em Ter Mar 13, 2018 12:13 am

A TEORIA ECONÔMICA DA TORRE

Prezados, como parte importante de nosso esclarecimento espiritual, faz-se necessaria, a intervenção em nossas biografias.
Entretanto, apesar de não possuir natureza CAUSAL, esse capitulo será importante na ampliação de seus conhecimentos organizacionais.
O texto a seguir, procura por meio de elementos descritivos, apresentar a TEORIA DA ORDEM ECONÔMICA DA TORRE QUE NOS VIGIA!
Peço sua atenção e se possível participação com comentários relevantes.


AS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ E O MERCANTILISMO CRISTÃO


Um grande negócio! Privatizar a religiosidade de seus membros e ser detentora dos direitos autorais dos 'bens de cristo aqui na terra'. É assim com práticas, mercantilistas que uma das principais franquias multinacionais pode ser bem definida. Ao analisar o corporativismo da Torre de Vigia, é possível enxergar uma estrutura de gerenciamento financeiro voltada simplesmente para a mais-valia absoluta por meio da captação de recursos em uma estrutura estatal.

Uma das características marcante do mercantilismo, era o metalismo, que consistia na busca por metais preciosos. Como meio de alcançar esse fim, tivemos a expansão e exploração de terras além de suas fronteiras. A captação e a apropriação de recursos pertencentes a outros. Nesse quesito a Organização (como eles gostam de ser chamados) vem acumulando riquezas ao redor do mundo. Por meio da liberdade religiosa cristã, adquirida em algumas partes do globo, e estados com politicas neo-liberalistas, essa empresa americana, tem acumulado imóveis, títulos de terra, apólices e muitos outros bens de capital. Divide o mundo em sua propriedade privada, seus latifúndios, apelidados de territórios. As suas filiais (Betel) e associações jurídicas são a porta de acesso para um negocio multimilionário.

Ao redor milhares de fieis, acreditam que estão contribuindo para a soberania de Jeová na terra, até que pode ser, mas nosso Soberano não precisa de nossa ajuda pra isso. Essa ideologia (soberania) é um combustível que impulsiona a motivação daqueles que movem essa grande empresa torre de vigia. Na verdade em quanto eles devotam, suas vidas, seus recursos, corpos, virgindade e seus líbidos, uma grande pirâmide mundial é responsável em ficar com a parte atrativa do negocio os milhões de dólares. Nas milhares de congregações, um modelo matricial parece ter vida própria, independentemente das peças que o compõe. Fluxo de caixa, saldo,taxas, alíquotas, recibos, notas fiscais, transferências, empréstimos e liquidação financeira.(Formulário de conta congregacional Clique AQUI) É a maneira teocrática de cuidar do dinheiro patrocinado pelos publicadores. E para onde vão todos esses aditivos? Eles não estão aglomerados sobre um só dominio (Que o leitor use de discernimento). Fazendo uma analise fiscal, tudo se dissipa no ar, pois de forma jurídica, não existe uma única empresa organização de Jeová, o que existe são centenas de milhares de associação/sociedade jurídicas que descentralizam a movimentação financeira. Impossível rastrear. Desconfio até mesmo que possuam contas em paraisos fiscais, com a desculpa descarada de ser uma provisão para a grande tribulação. O dinheiro é controlado, na força da ordem, em todo planeta, mesmo tendo CNPJS diferentes, uma mão invisível faz o controle do negocio. Compram e vendem livremente de impostos. Utilizam os recursos de uma nação, seu estado organizado, para captar a sua riqueza local e transferi-la para os domínios americanos que parcialmente podem estar aglutinados na suíça.

Cada congregação funciona como uma franquia, onde semanalmente recursos são captados em formas de donativos involuntários, taxas, resoluções e arranjos. Nessas franquias os contribuintes são mais taxados que a décima parte requerida em algumas denominações. Tudo deve ser transferido para a filial. Aqui no Brasil, são utilizados o Banco Bradesco e Banco do Brasil, para depósitos ou transferência. Além disso são realizados congressos e assembleias em todo território nacional com objetivo de gerar uma receita semanal. Para exemplificar uma assembleia de circuito tem o custo de R$24.000,00 (Vinte e quatro mil). É exigida do circuito uma transferência, a ser feita, dois dias uteis posterior aos eventos. O grande barato vem agora: No Brasil temos por volta de dez salões de assembleias, onde os eventos ostentações são realizados, podemos afirmar que no mês realizam-se 40 sessões. Uma série de assembleia dura 2 meses e meio. São aproximadamente em um bimestre, 100 assembleias. Agora que temos um número inteiro é só multiplicar os R$24.000,00 x 100, que perfazemos um total de R$2.400.000,00 (Dois milhões e quatrocentos). Pelas barbas do pirata! Esses valores reais são para ajuda-lo a materializar a parte financeira do negócio. A conta que fizemos foi modesta, pois no Brasil a maioria dos salões de assembleias são duplos. E temos eventos teocráticos o ano inteiro, é bem possível que somente com o patrocínio desses eventos, a ORGANIZAÇÃO criminosa acumule pra mais de R$50.000.000,00 (Cinquenta Milhões) por ano.

Na ultima escola para anciãos 2017/2018(EMR), os Anciãos (capangas da torre), foram incentivados a excluírem de seus arquivos qualquer documento que relacione as atividades do salão do reino com suas AJ’S (Associações Jurídicas). Tecnicamente é destruir as provas, e não produzir novas que relacionam as movimentações sociais e financeiras dentro dos salões do reino com a Torre. A JW.ORG, vem sofrendo duros golpes judiciais e a recomendação jurídica é evitar documentos técnicos, fragmentos que não podem ser impugnados em juízo. [Veja carta de Novembro 2017 Clique AQUI] Precisamos proteger o ouro do bandido!

Mas o negócio anda caindo das pernas, mais ou menos bem verdade, ainda são podres de ricos com cifras milionárias. Todavia, uma diminuição na arrecadação mundial é ruim para qualquer investidor. Isso aconteceu nos últimos anos em quase todas as corporações. Uma sensação ruim ao analisar gráficos tão decadentes. Gera desconfiança no negocio e o “risco de quebra” domina os sonhos dos managers. Uma intervenção faz-se necessária. Mudanças financeiras e estratégias de negócios. E o que diremos ao povo? Ao proletariado para que não diminua seu trabalho e nem fiquem desmotivados? “NOVAS LUZES” “CARRO CELESTIAL AVANÇANDO” “APROXIMA-SE O LIVRAMENTO” e outros bordões. Foram feitos cortes na carne: demissão voluntaria, redução de privilégios, dispensa de intocáveis, vendas de propriedades e extinção de alguns cargos de liderança ( Descontinuação dos Superintendentes de Distritos). Além disso era preciso automatizar a adoração e cortar os custos com o alimento espiritual requentado. O preço do gás tendia ao absurdo. Gasolina no Brasil é um horror!

Essas mudanças eram necessárias. Principalmente para empresas de capital flutuante, ondem não possuem contratos fixos. Para o bem dos negócios e o futuro da empresa. O corpo governante demorou muito de fazer esses ajustes, pois eram medidas impopulares que iam à direção contraria da sua temática “espiritual”. Precisavam ou não reconhecerem que estavam na contra-mão dogmática, mas que tudo isso fazia parte da guinada do proposito de Deus com sua organização terrestre. Estamos vivendo a quarta revolução mundial. E essa é a tecnológica.
As empresas já falam em indústrias 4.0, um conceito de manufaturas integradas e digitais. A mídia escrita está quase morrendo e as pessoas se comunicam quase exclusivamente pelas plataformas digitais. E essa comunicação é num dialeto cada vez mais simplificado.(memes, abreviaturas, escrita reduzida, emotions e etc) Acho que poucos tiveram paciência de ler esse textão aqui. A torre é uma empresa e se quiser viver muitos anos precisa tomar decisões financeiras.

É uma pena que nossos amigos, parentes e desafetos, não acreditem que simplesmente estão fazendo parte de uma grande negocio mundial. Que servem como instrumentos na mão de capitalistas americanos cujos senhores não estão nem aí para o interesse das ovelhas de cristo. Um escravo mau que espanca sem piedade seus co-escravos. “Mas, se aquele escravo mau disser no coração: ‘Meu senhor está demorando’, e começar a espancar seus co-escravos, e a comer e beber com os beberrões, o senhor daquele escravo virá num dia em que ele não espera e numa hora que ele não sabe; ele o punirá com a maior severidade e lhe designará um lugar entre os hipócritas. Ali é que haverá o seu choro e o ranger dos seus dentes”
– Mateus 24:48-51



A ESCRAVIDÃO DE POVOS
“Estrangeiros consumiram seu poder,+ mas ele não percebe.E seus cabelos grisalhos ficaram brancos, mas ele não se dá conta disso.” Oséias 7:9

Outra característica do mercantilismo foi a escravidão. A exploração do bem humano sem nada em troca, na imposição e na força das correntes. Consegue enxergar essa política na ORGANIZAÇÃO das Testemunhas de Jeová? Sim e é a cereja do bolo! Adquirem terrenos ou propriedades prediais a bagatelas. Possuem técnicas para construção sem a necessidade de terceiros, o que torna a produção civil a baixo custo. Os trabalhadores são voluntários (escravos) não remunerados. Não possuem nenhum custo com as normas trabalhistas locais. São dispensados sem garantias. Até mesmo as despesas com alimentação são arcadas por doações. Em canteiros de obras, utilizam de profissionais especializados, que altruistamente, doam para ORGANIZAÇÃO, que no final é dona de tudo. Até mesmo mulheres são usadas como um gado, para pegar peso, arrastar, derrubar ou simplesmente carregarem outros nas costas. A parte burocrática é da responsabilidade das AJ’S (Associações Jurídicas) que documentam a apropriação para a TORRE. Causam um tremendo prejuízo ao município. Pois em sua grande maioria, as propriedades para o uso religioso, são imunes de IPTU e alguns outros encargos. Quanto não se deixa de arrecadar ao estado, com essas propriedades que não geram riquezas para a união!
Tudo é produzido em nome de um bem comum: A fraternidade mundial. Todos acreditam piamente que estão fazendo o bem para o próximo e levando louvor ao nome de Jeová. A Torre aos olhos de seus fieis é uma organização filantrópica, sem fins lucrativos e que promove a igualdade social entre os povos independente de sua etnia. Que grande hipocrisia! De socialista a Organização não tem é porra nenhuma! Sua estrutura é vertical, com hierarquia de cima para baixo, com autarquias bem definidas. Em nenhum momento encontramos uma religião horizontal, onde todos estão no mesmo nível com plenitude de poderes e isonomia adquirida. Um bom exemplo disso é diferença na qualidade dos recursos, salões do reino e equipamentos usados nas diversas congregações. Na África, alguns se aglomeram em salões do reino de palha, ao relento, sem nenhuma infraestrutura ou segurança. Na contra mão, em países europeus e na América, muitos dos templos religiosos possuem uma ostentação acima da necessidade cristã. Tapetes, climatizadores, bancos de couro e outros. Se a torre realmente fosse socialista, ela repartiria seus recursos igualmente entre seu proletariado, promovendo a igualdade nos direitos de adoração. Mas promover esse real equilíbrio é uma profecia que ainda não está a se cumprir, pois fazer isso ferirá um principio do capitalismo, que é fomentar aquele que produz mais (nesse caso doa mais), incentivando a manutenção das finanças e aplicabilidade investidora. Tiram ou pouco dos pobres para privilegiarem os ricos.

Acho bem difícil uma testemunha de Jeová, enxergar que está sendo manipulada para interesses alheios. Seu orgulho, sua supremacia ideologista, não permite, bitoladas, preferem questionar a origem de todas as coisas no mundo, mas não possuem um mínimo de interesse no olhar para dentro da torre e conhecer melhor a ORGANIZAÇÃO financeira que fazem parte (Esboço Necessidades locais, pedindo mais donativos Clique AQUI). Mesmo assim, devemos tentar ajuda-las a enxergar que sua vida está condicionada a um grande negocio mundial, que sua religião não é exclusiva, e sim tão capitalista, mercenária, como os governantes que representam a nação. À aqueles que conseguem separar vossos corações traiçoeiros da razão, cabem a vocês controlarem a revolta contra o sistema e direcionarem suas energias para o combater qualquer que seja a religião, inclusive a sua, a minha, a nossa religião, que fazem da adoração ao criador um comercio financeiro.

A bíblia diz em Zacarias 7:10 “Não defraudem a viúva nem o órfão,* nem o estrangeiro nem o pobre; e não tramem o mal uns contra os outros no coração.” Os lideres dessa ORGANIZAÇÃO, um dia, em alguma dimensão nesse espaço de tempo, serão responsabilizados por toda sua corrupção moral e ganancia. Cada qual receberá proporcionalmente a sua recompensa.


"Nos deram espelhos, e vimos um mundo doente..
Tentei chorar e NÃO CONSEGUI!"
Quem me dera ao menos uma vez...

                                        (indios, Legião Urbana)

Uma parte importante no cronograma fiscal da ORGANIZAÇÃO são as auditorais fiscais. Um agente observador de preferência um membro do corpo governante ou membro da filial nos Estados unidos é designado.Quando o enviado do corpo governante está na área, o clima fica tenso nos bastidores da filial da Torre no Brasil. Qual será que foi a avaliação da obra em nosso país? Como justificaram a repetição de baixos resultados? Vejam transcrição exclusiva da cena.
AVISO:Tirem as crianças da Sala, esse não é mais um video do Pedrinho!


Admin
Admin

Mensagens : 28
Data de inscrição : 15/06/2017

Ver perfil do usuário http://jwvc.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: CAUSO XVII - A TEORIA DA ORDEM ECONÔMICA DA TORRE QUE NOS VIGIA!

Mensagem por Betelita Brasileiro em Ter Mar 13, 2018 8:24 pm

Meu caro amigo AB parabéns !!! Você é um visionário !!!
Na minha carreira dentro da "organização" já vi de tudo e, posso afirmar que os meios sutis para garantir a sobrevivência da mesma é , sempre foi e continuará sendo espetacular!
Na verdade na minha opinião foi uma grande besteira a Torre ter acabado com o arranjo de alimentação nas assembleias/congressos ! Aquilo era uma fonte inesgotável de Dinheiro , e tendo seus salões ela jamais seria questionada pelas autoridades, bastava apenas ter a certificação da vigilância Sanitária, e tocar o barco, mão de obra grátis, certeza de que o povo iria consumir ,, e não precisaríamos de ficar cada vez que vamos nessa encheção de saco, comprando lanches e levando essas malas ate o local , e pior comer isso frio !!! Veja os eventos realizados pela cristandade , arrecada dinheiro com comida e nunca ninguém reclama !!! Seria dinheiro garantido sem dor nos fiéis , afinal pelo menos eu estaria comendo !
agora além de ter que gastar com meu lanche, com trasporte ainda tenho que contribuir , e ficar lá 3 dias sorrindo ? ahhh vá né!
Se depender das minhas contribuições , a Torre vai a falência !!
um grande abraço !!


Betelita Brasileiro

Mensagens : 5
Data de inscrição : 10/07/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: CAUSO XVII - A TEORIA DA ORDEM ECONÔMICA DA TORRE QUE NOS VIGIA!

Mensagem por Admin em Ter Mar 13, 2018 11:29 pm

Betelita Brasileiro escreveu:Meu caro amigo AB parabéns !!! Você é um visionário !!!
Na minha carreira dentro da "organização" já vi de tudo e, posso afirmar que os meios sutis para garantir a sobrevivência da mesma é , sempre foi e continuará sendo espetacular!
Na verdade na minha opinião foi uma grande besteira a Torre ter acabado com o arranjo de alimentação nas assembleias/congressos ! Aquilo era uma fonte inesgotável de Dinheiro , e tendo seus salões ela jamais seria questionada pelas autoridades, bastava apenas ter a certificação da vigilância Sanitária, e tocar o barco, mão de obra grátis, certeza de que o povo iria consumir ,, e não precisaríamos de ficar cada vez que vamos nessa encheção de saco, comprando lanches e levando essas malas ate o local , e pior comer isso frio !!! Veja os eventos realizados pela cristandade , arrecada dinheiro com comida e nunca ninguém reclama !!! Seria dinheiro garantido sem dor nos fiéis , afinal pelo menos eu estaria comendo !
agora além de ter que gastar com meu lanche, com trasporte ainda tenho que contribuir , e ficar lá 3 dias sorrindo ? ahhh vá né!
Se depender das minhas contribuições , a Torre vai a falência !!
um grande abraço !!


Percebo que vivestes a época de oura dessa Organização!

Admin
Admin

Mensagens : 28
Data de inscrição : 15/06/2017

Ver perfil do usuário http://jwvc.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: CAUSO XVII - A TEORIA DA ORDEM ECONÔMICA DA TORRE QUE NOS VIGIA!

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum